Quanto magim… no Samaim!

Quando continuávamos a falar do outono, investigando as folhas diferentes e os frutos, as árvores perenes e caducas do nosso monte… apareceu Pichelinho contando que estava a chegar o Samaim!!